[Autores] Irvine Welsh e a Trilogia Mark Renton

Irvine Welsh e a Trilogia Mark Renton

Caso você não queria LER, pode OUVIR! É só dar PLAY nesse player aí embaixo!

 

Em 1993, Irvine Welsh lançou o livro chamado Trainspotting que 3 anos depois virou filme, hoje cultuado, com direção de Danny Boyle e com Ewan Mcgregor no elenco. Com certeza nenhum deles sabia que o livro/filme seria um sucesso de fama internacional e um combustível para suas carreiras.

Trainspotting significa “avistar/olhar trens”, mas como expressão linguística significa “não fazer nada”, “ficar de bobeira”. E é isso exatamente o que acontece com as personagens Mark Renton, Sick Boy, Spud e Begbie, as centrais do livro. Temos uma narrativa nada linear na qual nos envolvemos com esse “fazer nada” que na verdade significa beber muito, usar muitas drogas e arrumar confusões.

6e4yxpa
Trainspotting – 1996

É sem dúvida um retrato dos jovens no início dos anos 90, com a conquista de várias liberdades, como a de ficar de bobeira.

Em 2002 Irvine lança Pornô, continuação de Trainspotting. Na sequencia, Welsh mostra os personagens do primeiro romance dez anos depois. Mas não pense que eles amadureceram. As drogas, paranóia e violência continuam presentes na trama. Pior (ou melhor, depende do contexto)… altas doses de sexo e vingança também são prometidas.

Na história, Sick Boy quer abrir uma produtora de filmes pornôs. Para tanto, convida para a sociedade Mark Renton, dono de um club em Amsterdã; Nikki, uma estudante problemática, e o fracassado vendedor de bebidas, Juice Terry. Sua obra-prima a ser produzida é Sete ninfas para sete irmãos, que ele espera que seja exibida no Festival de Cannes! Mas o desajustado e perigoso Frank Begbie estão prestes a sair da prisão…

O livro se passa 10 anos depois de Trainspotting, mas o diretor Danny Boyle só decidiu filmar a continuação 20 anos depois. Ela saiu nos cinemas Europeus em 10 de Janeiro de 2017, nos EUA será lançado em 7 de Março e no Brasil ainda não há data para ser lançado.

r9lmsnz
T2 – 2017

Não satisfeito com o “universo de Trainspotting” (Graças a Deus), Irvine nos presenteou com Skagboys, uma “prequel” de Trainspotting. O livro se atem aos fatos anteriores ao primeiro livro e mostra o início da amizade entre os 4 principais personagens.

Segundo o próprio Irvine, ele precisou fazer algo que ele odeia – LER SEU PRÓPRIO LIVRO – para poder escrever Skagboys. A história gira em torno de uma reumanização dos personagens para entendermos suas escolhas que podem ser conferidas nos outros dois livros. O próprio também disse que sempre poderá voltar aos personagens, pois ele os carrega consigo.

a65ljmh
Participação do próprio Irvine Welsh em Trainspotting.

Os 03 livros já foram lançados no Brasil pela Editora Rocco. Deixarei aqui uma sinopse de cada um e caso você se interesse em comprar, use meu código da Amazon e ajude esse Blog/Canal/Fanpage a se manter. É só clicar no link ao lado do Título do livro.

TRAINSPOTTING : http://amzn.to/2kIVd9z

SINOPSE: Numa narrativa rápida, nervosa e cheia de gírias e palavrões (muito bem f0knxj4adaptada pela tradução de Galera e Pellizzari) Welsh traça um sincero retrato tragicômico das agruras de um dependente químico. O autor escreve com conhecimento de causa: ele teve sérios problemas com heroína na juventude, experiência que levou para sua carreira de escritor e o transformou num autor cultuado pelos jovens da Grã-Bretanha. Trainspotting é recheado de vinhetas batizadas de Dilemas de um Viciado, que são adaptações de trechos de um diário que o autor mantinha durante seus anos de dependência química. Como disse o autor numa entrevista, o livro foi escrito em “surtos”, e fez sucesso antes mesmo de seu lançamento, em trechos publicados em diversas revistas inglesas e escocesas.

PORNÔ http://amzn.to/2kJ6vKW

SINOPSE: Em ‘Pornô’, o escritor escocês Irvine Welsh retoma os personagens de nmjxuy7‘Trainspotting’, romance que lhe rendeu o status de grande nome da literatura britânica moderna e virou filme de sucesso internacional. A nova trama se passa dez anos após a história original, com sua célebre galeria de desajustados vivendo os suspiros finais da juventude. Drogas, paranóia, violência e traição continuam figurando entre os ingredientes principais, mas a eles somam-se agora doses cavalares de sexo e vingança, sempre com o humor ácido e surpreendente de Welsh. A figura central da história é Sick Boy, que agora prefere ser chamado pelo seu nome pomposo, Simon David Williamson. Cansado de trabalhar para os outros e de explorar prostitutas viciadas em heroína e crack, ele resolve investir num negócio próprio, reabrindo um pub decadente que sua tia está passando adiante. Mas não é tão simples assim emergir do submundo. Simon acaba usando o estabelecimento comercial como base para seu novo negócio – filmes pornográficos produzidos, dirigidos e estrelados por ele. O pária tem uma idéia inovadora para um vídeo do gênero e está disposto a tudo para concretizá-la. Todos os capítulos de ‘Pornô’ são narrados em primeira pessoa, com os personagens principais se revezando na condução da narrativa. O recurso deixa evidente a má intenção e a amoralidade de cada um.

SKAGBOYS:  http://amzn.to/2kIOEUr

SINOPSE: Skagboys é a história pré-Trainspotting, e fala sobre o primeiro contato dosuhm41depersonagens com a heroína, realidade que inundou sua decadente comunidade. Esses são os anos 80: drogas, pobreza, AIDS, violência, conflitos políticos e ódio – mas também alguns risos, e talvez apenas um pouco de amor. Uma década que mudou para sempre a Grã-Bretanha. Trainspotting, assim como Clube da Luta, transformou fãs em fiéis e movimenta o estilo cult desde então.